segunda-feira, junho 17, 2024

Márcia Tauil e Felix Junior, ao lado do maestro Cristovão Bastos lançam o EP ‘Pro Cristovão – vol. 2’

Em homenagem a Cristovão Bastos, Mins Música apresenta Pro Cristovão – vol. 2 – EP com três obras do maestro e pianista, interpretadas pelo próprio, pelo violonista Felix Junior, e pela cantora Márcia Tauil. O EP chega às plataformas digitais em 28 de abril de 2023.
.
As canções Suave veneno, parceria de Cristovão Bastos e Aldir Blanc, (que já foi tema de novela na voz de Nana Caymmi), Raios de luz, parceria de Cristovão Bastos e Abel Silva, (sucesso anteriormente nas vozes de Simone e Barbra Streisand) trazem o piano de Cristovão em harmonia com o 7 cordas de Felix Junior. A interpretação limpa, leve e muito brasileira, de Márcia Tauil, irmana-se aos instrumentos de forma envolvente, suave, e confere originalidade! E Todo o sentimento, parceria de Cristovão Bastos e Chico Buarque, traz releitura profunda e emocional, desta vez em voz e violão.
Pro Cristovão – vol.2: Uma belíssima viagem sonora.

O projeto começou em 2022 com lançamento: “Pro Cristovão”, um EP com três obras fundamentais do compositor, pianista e arranjador Cristovão Bastos. As canções são: “Resposta ao tempo” e “50 anos” (Cristovão Bastos e Aldir Blanc) e “Tua cantiga” (Cristovão Bastos e Chico Buarque).

revistaprosaversoearte.com - Márcia Tauil e Felix Junior, ao lado do maestro Cristovão Bastos lançam o EP 'Pro Cristovão - vol. 2'
Capa do EP ‘Pro Cristovão – vol. 2’. Márcia Tauil, Cristovão Bastos e Felix Junior. Mins Música (2023)

EP “PRO CRISTOVÃO – VOL. 2”
Canções / compositores:
Suave veneno (Cristovão Bastos e Aldir Blanc)
Raios de luz (Cristovão Bastos e Abel Silva)
Todo o sentimento (Cristovão Bastos e Chico Buarque)
– ficha técnica –
Márcia Tauil – voz | Felix Junior – violão 7 cordas | Cristovão Bastos – piano | Produção musical, captação sonora, mixagem e masterização: JG Junior / Rocknroll Studio | Arranjos: Cristovão Bastos e Felix Junior | Arte da capa: Márcia Tauil | Fotos/divulgação: ©Fred Brasiliense / ©Mariza Lima | Selo: Mins Música | Ano: 2023 | Formato: EP Digital | ♪ouça na sua plataforma de música favorita. clique aqui.

 

SOBRE MÁRCIA TAUIL, FELIX JUNIOR E CRISTOVÃO BASTOS

revistaprosaversoearte.com - Márcia Tauil e Felix Junior, ao lado do maestro Cristovão Bastos lançam o EP 'Pro Cristovão - vol. 2'
Márcia Tauil – foto ©acervo da cantora

MÁRCIA TAUIL – Cantora, compositora, produtora e professora de canto. Atua há quase 40 anos em carreira solo e em formações de música popular.
.
Atuou e atua ao lado de músicos como Roberto Menescal, Rildo Hora, Danilo Caymmi, Eduardo Gudin, Vânia Bastos, Sabrina Parlatore, Paulo César Pinheiro, Cristovão Bastos, Paulinho Nogueira, Emílio Santiago, Miúcha, Tavito, entre outros.
.
Seu primeiro álbum, Águas da Cidade, foi lançado em 1999 pela gravadora Dabliú Discos com produção de José Carlos Costa Netto. Seu segundo álbum, Sementes no Vento, foi lançado em 2003, no Brasil e no Japão, numa parceria das gravadoras Dabliú Discos e Ward Records.
.
Em 2007, é a primeira mulher a vencer como compositora, o Festival Viola de Todos os Cantos, realizado e televisionado por afiliadas da TV Globo. Em 2009, retorna ao Festival e é a primeira bicampeã do citado evento.
.
Em 2013, figura entre as Cinco melhores cantoras brasileiras da década, pelo Blog Mais Cultura Brasileira do crítico e escritor Marcelo Teixeira.
.
Em 2014, o Troféu destinado a novos talentos vocais em Mococa/SP, passou a ser nomeado como MÁRCIA TAUIL.
.
Em 2017, a canção “Colheita”, de sua autoria, é inserida em trilha sonora do programa “Lazinho com você” com Lázaro Ramos, TV Globo. Ainda em 2017, Márcia Tauil vence o Festival da Rádio Nacional como Melhor interprete.
.
Em 2019 lança dois álbuns autorais de forma independente; Música do Bem, com parcerias com Zé Caradípia e Reginaldo Mil e Melhor Agora, com participação de Ivan Vilela. É finalista no Prêmio Profissionais da Música como Cantora. Nesse mesmo ano, Márcia é agraciada com o troféu Grão de Música, por carreira e trajetória, junto a nomes como Bia Bedran e Rolando Boldrin.
.
Em 2020, ao lado de Felix Junior, tem o álbum Pro Menesca, com participação de Roberto Menescal e Adriano Giffoni, e o single Japa, cantado em japonês, lançados pela gravadora Mins Música. Nesse mesmo ano, é indicada ao Prêmio Profissionais da Música como Melhor intérprete.
.
Em 2021 lança Pro Cristovão, com Cristovão Bastos e Felix Junior. O volume 2 chega nas plataformas em 28 de abril de 2023.
.
Também está gravando o projeto Caymmi-se, com Juliana Caymmi, com shows já acontecendo ao lado de Danilo Caymmi.
.
Dos singles lançados recentemente, destacam-se Cousas do Brasil, com Ana Lélia e Roberto Menescal e Paisagem da Janela, com Vânia Bastos e Ronaldo Rayol.
.
Ainda em 2023 chegará mas plataformas, o Single “Samba bom demais”, de Roberto Menescal, Jorge Aragão e Jotabê, com Rildo Hora na gaita e Roberto Menescal no violão.
>> Márcia Tauil na rede: Site | Instagram | Youtube | Facebook | Spotify.

.

revistaprosaversoearte.com - Márcia Tauil e Felix Junior, ao lado do maestro Cristovão Bastos lançam o EP 'Pro Cristovão - vol. 2'
Felix Junior – foto© Victor Mesquita

FELIX JUNIOR – compositor, violonista e arranjador da MPB instrumental. Felix Junior iniciou seu aprendizado de violão aos nove anos de idade com o pai, professor Felix, em Pirapora/MG. Deu prosseguimento aos estudos no conservatório Lorenzo Fernandes, em Montes Claros. Mudou-se para São Paulo, onde estudou Violão Clássico com o maestro e concertista Francisco Araújo, e aperfeiçoou sua técnica no cavaquinho, com o professor e cavaquinista 5 cordas Inácio de Oliveira.
.
Felix Junior, participou de diversos festivais de música, entre eles estão: Festival de Música Internacional de Santiago – em Cuba (2001); Festival Internacional de Música em São Luiz/MA, com Trio Jorge Cardoso (2004); Festival de Bandolins em La Coruna, na Espanha (2004); Festival BNB por várias cidades do Nordeste, no Brasil e Festival Jazz Carthage na Tunísia/África, ambos com o Duo 13 (2009); Festival Gastronômico de Jakarta, na Indonésia, com Célia Rabello (2010); Festival de Música em Belo Horizonte e “Festa da Música”, com Gabriel Grossi e Bebe Kramer (2014); Festival de Culturas Tocantinenses – MUTUN, com Gabriel Grossi (2015); Festival MIMO – Circuito Ouro Preto, Tiradentes, em Minas Gerais, com Gabriel Grossi e Bebe Kramer (2015); Festival de Jazz de Guaramiranga, com Quarteto Pablo Fagundes (2016); Festival CCBC – Sintonias Brasil Canadá, com trio Trinca Brasil (2018), entre outros. Realizou shows no pelo Brasil, Lisboa, Angola, Colômbia, Estados Unidos, Espanha, se apresentando ao lado de grandes nomes da música, como Altamiro Carrilho, Joel Nascimento, Osvaldinho do Acordeom, Turíbio Santos, Jorge Cardoso, Gabriel Grossi, Bebe Kramer, Hamilton de Holanda, Rick Trolsen, Dirceu Leite, Dominguinhos, Daniela Spielman, Os Cariocas, Armandinho Macedo, Yamandú Costa, Monarco da Portela, Valter Alfaiate, Mart’nália, Nei Lopes, Iara Costa, Mylene, Edu Miranda, Dhi Ribeiro e banda, entre outros.

Lançou os seguintes álbuns solos: “Quando as cordas choram” (Independente, 2012), “Pegando fogo” (Mins Música, 2015), “Lamento mineiro” (Independente, 2019), “Felix Junior interpreta Francisco Araújo” (Independente/Tratore, 2020), “Enseada” (Mins Música, 2021) e “Chão de Minas” (Mins Música, 2022). Discos em parceria, são: “Choro Candango”. Felix Junior e Ricardo Freire (Independente, 2004), “Duo 13”. Felix Júnior e Hamilton Pinheiro (Independente/Tratore, 2007), “Retratos abstratos”. Felix Júnior e Ted Falcon (Independente, 2015), “Brasileiríssimo”. Felix Junior, Evandro Barcellos e Rogério Córdova (Independente, 2015), “Nascente: a música de Hermeto Pascoal e Guinga”. Felix Junior e Gabriel Grossi (Biscoito Fino, 2016), “Senzala”. Felix Junior e Elo Brasil Duo (Independente/Tratore, 2019), “Pro Menesca”. Felix Junior e Márcia Tauil, com participação de Roberto Menescal e Adriano Giffoni (Mins Música, 2020), “Pro Menesca – vol. 2”. Felix Junior e Márcia Tauil (Mins Música, 2021), “Pro Cristovão”. Felix Junior e Márcia Tauil, com participação de Cristovão Bastos (Mins Música, 2022) e “Pro Cristovão – vol. 2”. Felix Junior e Márcia Tauil (Mins Música, 2023). Lançou também os singles: “Japa” Márcia Tauil e Felix Junior – participação Roberto Menescal / composição de Michinari Usuda, Paulo Cesar Feital e Roberto Menescal (2020); “Choro na Ilha”. Felix Junior / composição de Felix Junior e Jorge Lacerda (2021); “Vagamente”. Márcia Tauil e Felix Junior – com participação de Roberto Menescal e Sabrina Parlatore / composição de Roberto MenescalRonaldo Boscoli (2021); “Amanhecendo”. Márcia Tauil e Felix Junior / composição de Lula Freire e Roberto Menescal (2021).

Participou como violonista dos seguintes álbuns: “Era uma vez”. Sopro e Cordas / Vozes Brasileiras (2001), “Grupo Choro Legal”. Dinaldo Dominges (2002), “Fina Sintonia”. Leonel Laterza e Grupo (2003), “Diz que fui por ai”. Gabriel Grossi (2004), “Altos e baixos”. Hamilton Pinheiro (2004), “Tesselas”. Luciana Oliveira (2005), Dudu Maia (2005), “Amoy Ribas”. Batuke no batike (2007), “Velho abrigo”. Júlio Pepe e Alessandra Letucce (2007), “Estamos aí”. Os Cariocas (2013) e “Coisas de Família” (2015).
.
Deu aulas na Escola de Choro Rafael Rabello e na Academia BSB Musical até o ano de 2006; no Curso internacional da escola de música de Brasília – CIVEBRA, em 2012 e na Oficina de música de Curitiba, em 2020. O violonista de sete cordas Felix Junior tem se destacado no atual cenário da música instrumental brasileira, apresentando em seu show a fineza e virtuose de composições próprias e de outros compositores da MPB.
>> Felix Junior na rede: Instagram | Youtube | Spotify.

 

revistaprosaversoearte.com - Márcia Tauil e Felix Junior, ao lado do maestro Cristovão Bastos lançam o EP 'Pro Cristovão - vol. 2'
Cristovão Bastos – foto ©Marcelo Castello Branco

CRISTOVÃO BASTOS (compositor, pianista, arranjador, diretor musical e professor), nascido no bairro de Marechal Hermes, na cidade do Rio de Janeiro, em 3 de dezembro de 1946. Respeitado e admirado por grande parte da música brasileira, estudou teoria musical e acordeom desde cedo, formando-se aos 13 anos, quando iniciou sua carreira, tocando em bailes com a banda de “Creso Augusto”. Sua estreia como pianista foi aos 17 anos, numa boate em Cascadura, subúrbio do Rio de Janeiro. Foi um dos fundadores da Banda Black Rio, participando de sua primeira formação e do primeiro disco, o antológico “Maria Fumaça” em 1976. No mesmo ano participou como solista, juntamente com flautista Copinha, do disco Memórias Chorando de Paulinho da Viola.
.
Parceiro de grandes nomes como Chico Buarque — com quem compôs “Todo o sentimento” e “Tua cantiga” —, Paulo César Pinheiro, Aldir Blanc, Paulinho da Viola, Elton Medeiros, Luciana Rabello e Abel Silva. Cristovão criou e assinou arranjos para discos e shows de Nana Caymmi, Edu Lobo, Elza Soares, Emílio Santiago, Fafá de Belém, Miúcha, Gal Costa, Nelson Gonçalves, Paulinho da Viola, Ângela Maria, Chico Buarque, entre outros.
.
Algumas de suas composições estão registradas nas vozes e instrumentos de nossos maiores intérpretes, como Zezé Gonzaga, Simone, Ney Matogrosso, Maria Bethânia, Verônica Sabino, os grupos Época de Ouro e Nó em Pingo D’água, Maria Creuza, Paulinho da Viola, Elizeth Cardoso, Emílio Santiago, Zé Nogueira, Mauro Senise, Marco Pereira, entre outros. Em 1998, a cantora Clarisse Grova gravou Novos Traços, disco de músicas inéditas de Cristovão e Aldir Blanc, com produção de Rildo Hora. Barbra Streisand gravou ‘Let´s start right now’, versão da música ‘Raios de luz’ parceria dele com Abel Silva, no álbum A Love Like Ours (1999).
.
Com Aldir Blanc, Cristovão compôs mais de vinte canções, entre elas, ‘Resposta ao tempo’, tema de abertura da minissérie Hilda Furacão, da Rede Globo (1998) e ‘Suave veneno’, da novela Suave Veneno, Rede Globo (1999), ambas gravadas por Nana Caymmi.
.
Em sua longa e profícua carreira, mais de 55 anos de trabalho, Cristovão recebeu 13 prêmios, entre eles o Prêmio Sharp como compositor, arranjador, instrumentista e melhor disco instrumental, com “Bons Encontros”, em parceria com Marco Pereira; Em 2008 recebeu o ‘Prêmio Tim’, como melhor arranjador com o disco “Paulinho da Viola – Acústico MTV”. Em 2011 o ‘Prêmio da Música Brasileira’ como melhor arranjador, com o disco “Tantas Marés” de Edu Lobo. Em 2018, recebe o ‘Prêmio da Música Popular Brasileira’ juntamente com Chico Buarque pela canção “Tua Cantiga”, na categoria ‘Melhor canção’; e em 2021 recebe Prêmio Ernesto Nazareth (1º lugar) do festival Rio Choro, para a sua música “Especial saudade“.  Ainda em 2021, recebe o Prêmio Profissionais da Música, na categoria ‘Intérpretes de Choro’, álbum Cristovão Bastos e Rogério Caetano* (selo Biscoito Fino, 2020), o disco também foi indicado ao Latin Grammy 2021, na categoria de melhor Álbum Instrumental.
.
Lançou dois discos solo, o primeiro “Avenida Brasil”, em 1997 e o segundo “Gafieira Suburbana”, em 2008, contendo composições suas e de amigos.
.
Em 1992, gravou o álbum premiado “Bons Encontros”, em parceria com Marco Pereira. Bastos. No ano de 2002, gravou o disco “Domingo na geral”, álbum com o grupo ‘Nó em Pingo D’Água’. Em 2019, gravou e lançou o álbum “Espelho” em parceria com Maury Buchala, pelo selo SESC SP. Em julho de 2020, lançou o disco em duo “Cristovão Bastos e Rogério Caetano“, pelo selo Biscoito Fino. O álbum promove o encontro de dois grandes mestres em seus instrumentos – o piano e o violão 7 cordas aço. Disco em homenagem a Raphael Rabello.
.
Em outubro de 2022, lançou o disco em duo Choro negro – Cristovão Bastos e Mauro Senise tocam Paulinho da Viola, pelo selo Biscoito Fino, 2022. O álbum celebra os 80 anos de Paulinho da Viola, mestre da nossa música. Disco foi indicado ao Latin Grammy 2023, na categoria de melhor Álbum Instrumental. E em dezembro, lançou em parceria com João Lyra o álbum “Varandão”, selo Independente. São 10 composições de Lyra e Bastos, todas sob o título Varandão – de 1 a 10., sendo que a faixa 2, é composição só de Cristovão, e faixa 9, só de Lyra.
>> Cristovão na rede: Biografia completa: Cristovão Bastos / Youtube Canal oficial Cristovão BastosInstagram: Cristovão Bastos

 


ACOMPANHE NOSSAS REDES

DESTAQUES

 

ARTIGOS RECENTES