sábado, julho 20, 2024

Guegué Medeiros lança o terceiro álbum autoral ‘Balai de Feira’

Guegué Medeiros lança ‘Balai de Feira’ terceiro álbum autoral do baterista, percussionista e produtor musical paraibano reúne amigos, sons e improvisos
.
Uma reunião de amigos e uma mistura de ritmos, estilos, instrumentos, além de improvisos livres, espontâneos e criativos. Isso define Balai de Feira, o terceiro álbum autoral do baterista, percussionista e produtor musical Guegué Medeiros, que será lançado no dia 27 de outubro, nas plataformas digitais.

Paraibano, radicado em São Paulo, com mais de 30 anos de carreira, Guegué apresenta nesse trabalho 12 composições inéditas, algumas delas em parceria com Salomão Soares, Rafael Beibi e Guga Limeira. Ao lado do artista, que assina a direção musical, estão os músicos Carlinhos Noronha no baixo, Daniel D’Alcantara no trompete, Danilo Moraes na guitarra, violão tenor e voz, Dido Trajano no zabumba e triângulo, Josué dos Santos no saxofone, Lau Trajano no baixo, Olívio Filho na sanfona, Rafael Beibi no zabumba, triângulo, pandeiro e voz e Salomão Soares nos arranjos e piano.
.
“Na minha infância era bem comum acompanhar meu pai nas feiras de rua de João Pessoa e tenho uma lembrança dele negociando o “balai” com os feirantes. Esse “balai” era um cesto onde normalmente tinha uma misturada, um pouco de cada coisa e onde ele escolhia o que queria levar pra casa e ficava tudo junto ali misturado”, conta Guegué. E continua “Já o meu “balai” tem as pessoas que gosto, as pessoas que eu admiro tanto no som como quanto pessoa, tem as minhas influências, o tipo de música que eu gosto, a música que eu acredito. É tudo junto, tudo misturado, no mesmo “balai”.

Guegué Medeiros, cuja trajetória musical é profundamente influenciada pela herança familiar paraibana, acredita que sua música tem o poder de conectar as pessoas, independentemente de onde estejam. O projeto é uma celebração apaixonada da cultura nordestina, onde as ilustrações ganham vida pelas mãos talentosas do artista plástico e desenhista Daniel Vicent, um paraibano que tem a habilidade única de retratar a essência da regionalidade e o profundo afeto pelas raízes nordestinas por meio da pintura.
.
Balai de Feira é um projeto contemplado pelo PROAC (Programa de Ação Cultural) da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo.

Em sua carreira, Guegué já dividiu, e com muitos ainda divide, os palcos, estúdios, gravações ou participou em shows de artistas como Chico Cesar, Moacir Santos, Gilberto Gil, Dominguinhos, Sivuca, Elomar, Ney Matogrosso, Arnaldo Antunes, Luiz Melodia, Lenine, Zeca Baleiro, Seu Jorge, Anastácia, Martinália, Sandra de Sá, Elba Ramalho, Nelson Ayres, Filó Machado, Chico Pinheiro, Luciana Alves, Proveta, Xangai, Lucy Alves, Marcia Castro, Maria Alcina, Quinteto da Paraíba, João Linhares, Arthur Maia, Toninho Ferragutti, Ricardo Herz , Zé Pitoco, Beatles Cordel, Danilo Moraes e Forró Picadinho, entre tantos outros.
.
Guegué também atuou como produtor e diretor musical em espetáculos e musicais. Participou de festivais como Montreaux Jazz Festival (Suíça); Womad Singapura (Singapura); Brazil Day Festival (USA); Jazz à Vienne (França); Festival internacional de Musique Universitaire (Belfort-França); Incontra Il Mundo (Roma-Itália); Weve Love Festival (Florence-Itália); Festival de Cinema de Toronto (Canadá); Poesiefestival (BerlinAlemanha); Notturni in Villa (Milão-Itália); Afro Brasil (Tubinguen-Alemanha).

revistaprosaversoearte.com - Guegué Medeiros lança o terceiro álbum autoral 'Balai de Feira'
Capa do álbum ‘Balai de Feira’ • Guegué Medeiros • Selo Independente • 2023

DISCOBALAI DE FEIRA’ • Guegué Medeiros • Selo Independente • 2023
Canções / compositores
1. Lá vem o Arismar (Guegué Medeiros)
2. Cosa (Guegué Medeiros e Salomão Soares)
3. Balei de Feira (Guegué Medeiros e Rafael Beibi)
4. Arrocha tentem (Guegué Medeiros)
5. Pai véi e mãe véia (Guegué Medeiros)
6. Bento (Guegué Medeiros)
7. Ipueira dos Linhares (Guegué Medeiros)
8. Jambo (Guegué Medeiros e Guga Limeira)
9. Xote com A (Guegué Medeiros)
10. Zé de Biu (Guegué Medeiros)
11. Côco de Mané Medeiros (Guegué Medeiros)
12. Y una (Guegué Medeiros e Salomão Soares)
– ficha técnica –
Guegué Medeiros (bateria – fx. 1, 2, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10; percussão – fx. 2, 3, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 12) | Salomão Soares (piano – fx. 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 12) | Carlinhos Noronha (baixo – fx. 1, 2, 4, 5, 6) | Lau Trajano (baixo – fx. 7, 8, 9, 10) | Danilo Moraes (viola – fx. 5; guitarra – fx. 7, 8, 9, 10) | Daniel D’Alcântara (trompete – fx. 1, 2, 6; flugel) | Josué dos Santos (saxofone – fx. 1, 2, 6) | Dido Trajano (zabumba – fx. 7, 8, 9, 10) | Olívio Filho (sanfona – fx. 3, 5, 7, 8, 9, 10) | Rafael Beibi (voz – fx. 3, 5, 8) | Maestro Chiquito (voz – fx. 12) | Vozes (fx. 11): Graça Medeiros e Goretti Medeiros | Faixa 11 – Entrevista realizada em 23/1/23 Condado – Paraíba | Direção musical: Guegué Medeiros | Arranjos: Salomão Soares | Produção executiva: Tuca Martins | Gravado, mixado e masterizado por: Adonias Jr., no Estúdio Arsis, em fevereiro de 2023 | Artes da capa e site: Daniel Vincent | Captação e edição de imagens: Matheus Fractal | Fotografia: Dani Gurgel | Site e produção de conteúdo: Paty Carvalho e Julio Medeiros | Assessoria de imprensa: Débora Venturini | Selo: Independente | Formato: CD / Digital | Ano: 2023 | Lançamento: 27 de outubro | #* Ouça o álbum: clique no link.
** Apoio: PROAC (Programa de Ação Cultural) do Governo do Estado de São Paulo por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativas.

LEIA TAMBÉM
:: Guegué Medeiros e Salomão Soares celebram o forró no álbum ‘Baião de dois’
.
.
Série: Discografia da Música Brasileira /  Canção / Música instrumental / Álbum.
* Publicado por ©Elfi Kürten Fenske


ACOMPANHE NOSSAS REDES

DESTAQUES

 

ARTIGOS RECENTES