sábado, junho 15, 2024

Álbum ‘Lagoa da Canoa, Município de Arapiraca’ de Hermeto Pascoal ganha reedição especial da Rocinante Três Selos

Hermeto Pascoal – álbum clássico ‘Lagoa da Canoa, Município de Arapiraca’ (1984) ganha edição especial em LP. O disco do compositor, arranjador e multi-instrumentista já está disponível no site oficial Rocinante Três Selos.
.
Os improvisos e a criatividade pulsante de Hermeto, nesse disco que mostrou a potência de Alagoas, é mais um título lançado pela curadoria da Rocinante, Três Selos e Tropicália discos. Eles se somam ao Her Mind Blossom Edition, da Urias, que abriu o mês de novidades.

Já na década de 1980, o bruxo Hermeto Pascoal já era reverenciado como um dos músicos mais celebrados no Brasil e internacionalmente. Lagoa da Canoa, Município de Arapiraca é uma homenagem ao seu local de nascimento, e traz o artista completamente livre, brilhante e em exercício de sua infinita criatividade.
.
A genialidade de Hermeto Pascoal se reflete nos improvisos deste LP, que, segundo o artista, possui mais experimentações do que qualquer outro de sua carreira até então. Capturando a energia, alegria e espontaneidade típicas de suas apresentações, Lagoa da Canoa é um portal para o universo criativo de Hermeto. O LP comemorativo chega fiel à original de capa, contracapa e encarte, com áudio transcrito e remasterizado.

O LP têm edição limitada e está disponível apenas no site oficial, a partir de 12 de dezembro. O projeto já conta com as reedições dos títulos Aos Vivos, de Chico César; Luminoso, de Gilberto Gil; ‘Tudo Tanto’, de Tulipa Ruiz; Noitada, de Pabllo Vittar, OXEAXEEXU, de BaianaSystem; e Her Mind, de Urias, e prepara grandes novidades a serem anunciadas em breve – prometendo agradar fãs de diversos ritmos.

revistaprosaversoearte.com - Álbum 'Lagoa da Canoa, Município de Arapiraca' de Hermeto Pascoal ganha reedição especial da Rocinante Três Selos

Sobre Hermeto Pascoal
Aos 87 anos, o alagoano de Lagoa da Canoa salta e dança no palco como se fosse um menino: multi-instrumentista, o mestre toca teclado, piano, flauta-baixo, escaleta, sanfona 8 baixos, porcos, chaleira, berrante e uma infinidade de instrumentos ao lado de seu lendário grupo, formação que mantém a mesma tradição desde os anos 70. Compositor compulsivo, compõe sem parar. Nos anos 90, para o projeto Calendário do Som, publicou uma música por dia que foram reunidas em um livro de 414 páginas lançado em 1999. Ao longo de sua carreira já lançou mais de 35 discos e participou de incontáveis gravações. Em 2007, Hermeto disponibilizou integralmente sua obra para gravação, dizendo “aproveitem bastante” aos músicos de todo o mundo.
.
Reconhecido e adorado mundialmente por seu papel na história da música brasileira, por seu talento como instrumentista, arranjador, improvisador e compositor, Hermeto criou conceitos como música universal, cifragem universal, música da aura, música dos ferros e método do corpo presente. Com carreira que se iniciou em 1950, em Recife, no início dos anos 70 já ganhava fama internacional ao participar do disco Live-Evil de Miles Davis; na ocasião, Miles disse que Hermeto era “o músico mais impressionante do mundo”. Hermeto formou importantes grupos, entre eles o Quarteto Novo (1967) e o Brazilian Octopus (1969), além de ser reconhecido fora do país graças às apresentações e participações em grandes festivais, como o de Montreux (Suíça), em 1979, quando foi editado o álbum duplo Hermeto Pascoal Ao Vivo.

Em 2017 lançou 2 discos, Hermeto Pascoal & Grupo – No Mundos dos Sons pelo Selo Sesc e Hermeto Pascoal e Big Band – Natureza Universal, com patrocínio da Natura Musical.
.
“O bruxo” ou “O mago”, como o chamam, é considerado por boa parte dos músicos um dos maiores gênios em atividade na música mundial. Ao longo de sua carreira, Hermeto já adaptou muitos objetos como instrumentos musicais, como chaleiras, brinquedos de plástico, serrotes e latas, extraindo música boa de qualquer coisa. Compôs peças sinfônicas e excursiona frequentemente aos Estados Unidos e Europa, onde é muito popular. Em suas apresentações, o público é agraciado com grandes sucessos de sua carreira, além de improvisos em diversos instrumentos e objetos inusitados, de maneira interativa com a plateia.

revistaprosaversoearte.com - Álbum 'Lagoa da Canoa, Município de Arapiraca' de Hermeto Pascoal ganha reedição especial da Rocinante Três Selos
Capa do álbum ‘Lagoa da Canoa, Município de Arapiraca’ • Hermeto Pascoal • Selo Rocinante Três Selos • 2023

DISCO ‘LAGOA DA CANOA, MUNICÍPIO DE ARAPIRACA’ • Hermeto Pascoal • Selo Rocinante Três Selos • 2023
Canções / compositores
Lado A
1. Ilza na feijoada (Hermeto Pascoal)
2. Santa Catarina (Hermeto Pascoal)
3. Tiruliruli (Osmar Santos)
4. Papagaio alegre (Hermeto Pascoal)
5. Vai mais, garotinho (José Carlos Araújo) / decisão do campeonato nacional 1984
6. Monte Santo (Hermeto Pascoal e João Bá)
Lado B
1. Spock na escada (Hermeto Pascoal)
2. Mestre Radamés (Hermeto Pascoal)
3. Aquela coisa (Hermeto Pascoal)
4. Frevo Maceió (Hermeto Pascoal)
5. Desencontro certo (Hermeto Pascoal)
– ficha técnica –
Lado A Hermeto Pascoal (flauta – fx. 1; flautim – fx. 1; clavinete ‘solo’ – fx. 1; fala ‘Sapatão’ – fx. 1; piano – fx. 2; harmônio – fx. 3, 5, 6; flauta ‘solo’ – fx. 4; sanfona – fx. 6) | Osmar Santos (narração e canto – fx. 3 // Jogo – Corinthians x Flamengo 6.5.1984) | José Carlos Araújo (narração e canto – fx. 5 // Jogo – Vasco x Fluminense – decisão do campeonato nacional/1984) | João Bá (declamação – fx. 6) | Carlos Malta (flauta – fx. 1, 2; sax soprano ‘solo’ – fx. 1; fala Doçura – fx. 1; jogral – fx. 2; sax tenor – fx. fx. 4; flautim – fx. 4) | Jovino Santos Neto (piano rhodes – fx. 1, 2; flauta – fx. 1; fala ‘Mansinha’ – fx. 1; harmônio – fx. 2; jogral – fx. 2; piano acústico – fx. 4; piano CP-80 – fx. 4) | Iteberê Zwarg (contrabaixo – fx. 1, 4; fala ‘Cheguei’- fx. 1; tuba – fx. 2; jogral – fx. 2) | Márcio Bahia (bateria – fx. 1, 4; reco – fx. 1; fala ‘Metidinho’ – fx. 1; almofada de bilros – fx. 2; sino – fx. 2; jogral – fx. 2; jererê – fx. ) | Pernambuco (triângulo – fx. 1; fala ‘Zangadinho’ – fx. 1; almofada de bilros – fx. 2; jogral – fx. 2; redôngulo – fx. 4) | Elísio Costa (flauta – fx. 1; fala ‘Coronel Peba’ – fx. 1) | Fábio Pascoal (fala ‘Saudoso’ – fx. 1) | Marcus Vinicius (fala ‘Catuaba’ – fx. 1) | Manoel Ozias (risada – fx. 1) | Ilza Pascoal (gargalhada – fx. 1) | Papagaio Floriano (falas e assovios – fx. 4) | Lado B Hermeto Pascoal (viola – fx. 1; flauta baixo – fx. 1; piano (tema) – fx. 1; solo de latidos com flautas – fx. 1; bombardino – fx. 2; flauta – fx. 3; pistons – fx. 4; solo de buzina – fx. 4; sax soprano – fx. 4 / apresentação dos músicos – fx. 4; cavaquinho – fx. 5) | Jovino Santos Neto (piano acústico – fx. 1; harmônio – fx. 1; piano CP-80 – fx. 2; harmônio – fx. 2, 5; piano – fx. 3; piano rodhes – fx. 4; flautim solo – fx. 4) | Carlos Malta (saxofones – fx. 1; sax soprano – fx. 2; sax tenor – fx. 3; sax tenor solo – fx. 4) | Márcio Bahia (bateria – fx. 1, 2, 3, 4; apitos – fx. 1; percussão – fx. 1 – solo de percussão – fx. 4) | Itiberê Zwarg (contrabaixo – fx. 1, 2, 3; contrabaixo solo – fx. 4; tuba – fx. 4, 5) | Elísio Costa (percussão – fx. 1; flauta solo – fx. 4) | Pernambuco (percussão – fx. 1; triângulo – fx. 2; pandeiro – fx. 4; palavras – fx. 4) | Heraldo do Monte (guitarra – fx. 2; viola – fx. 5) || Convidados especiais: Haroldo do Monte, João Carlos Araújo, João Bó e Osmar Santos | Direção musical e arranjos: Hermeto Pascoal | Coprodutor musical: Jovino Santos Neto | Engenheiro de som: Marcus Vinicius | Auxiliares de estúdio: Ronaldo, Robson e Zé Luis | Mixagem e montagem: Marcus Vinicius e Hermeto Pascoal | Gravado no Nosso Estúdio – São Paulo, Brasil, de junho a setembro de 1984 | Capa: OZ Comunicação Gráfica | Projeto gráfico: OZ Comunicação Gráfica – André Pappovic, Giovanni Vannucchi, Ronald Kapz | Arte final: Sueli Xavier | Foto da capa: Paulo Kawall Vasconcellos | Fotos da contracapa: Stéphane Morreau e Jovino Santos Neto | Fotos do encarte: Jovino Santos Neto | Fundo da capa e contracapa: Detalhe de reprodução em off-set de foto de Aristides Alves | Este álbum foi originalmente lançado em 22 de outubro de 1984, pela gravadora Som da Gente || – Edição Rocinante / Três Selos Produção executiva: Flavio de Abreu (Scubidu Music) | Coordenação geral: João Noronha, Sylvio Fraga e Wladymir Jasinski | A&R: Márcio Rocha e Rafael Cortes | Coordenação gráfica: Mateus Mondini | Coordenação de prensagem: Vinícius Crivellaro | Licenciamento: Daniel Moura e Joe Lima | Texto e pesquisa: Bento Araujo | Direção de arte: Bloco Gráfico | Design: Pedro Caldara | Revisão: Jovino Santos Neto | Transcrição de matriz analógica para digital: Eduardo Souza no B72 Som, Imagem & Memória, em outubro de 2021 | Remasterização: Carlos Freitas no Classic Master USA, em janeiro de 2022. || Foto divulgação: Gabriel Quintão | Assessoria de imprensa: Tathianna Nunes / Pantim Comunicação | Selo: Rocinante Três Selos | Catalogo nº: R3005 | Formato: LP | Ano: 2023 | Lançamento: 12 de dezembro | #* Compre o LP: clique aqui.

Projeto Rocinante Três Selos
A paixão pelo vinil fez com que três expoentes do mercado nacional se juntassem para uma parceria inédita. A fábrica Rocinante, sediada em Petrópolis, passa a prensar a partir de novembro, uma curadoria de discos realizada com licenciamento da própria Rocinante em parceria com a Três Selos. Na seleção dos títulos, soma-se ainda a Tropicália Discos, loja icônica localizada no centro do Rio de Janeiro com sua expertise de 20 anos divulgando a música brasileira, com um rico acervo disponível no canal próprio no Youtube ou com consultas na loja física através de seu catálogo primoroso de CDs e LPs.
.
Referências no mercado, agora juntas, Rocinante e Três Selos colaboram para apresentar com qualidade algumas das obras mais emblemáticas da música brasileira e programam pacotes de lançamentos especiais a partir de novembro. Na seleção, obras consagradas de Chico César, Gilberto Gil, Pabllo Vittar e Baiana System. Com projeto gráfico inovador, qualidade das melhores prensas de vinil do país, a dobradinha promete elevar a música brasileira a novos patamares, enaltecendo sua riqueza e diversidade.
>> Rocinante na rede: Site | Instagram @rocinantegravadora | Instagram @rocinantefabrica  | Instagram @rocinantetresselos | LinkTree
>> Três Selos na redeSite | Instagram | Facebook
>> Tropicália Discos na rede: Instagram | Youtube
.
.
Série: Discografia da Música Brasileira / MPB / Canção / Álbum.
* Publicado por ©Elfi Kürten Fenske

.


ACOMPANHE NOSSAS REDES

DESTAQUES

 

ARTIGOS RECENTES