sábado, junho 15, 2024

Espetáculo teatral ‘Ninas’ estreia no Sesc Copacabana, peça inspirada na história da cantora norte-americana Nina Simone

Sesc Copacabana apresenta o espetáculo teatral “NINAS”. Idealização e produção de Cyda Moreno, texto inédito inspirado na história da cantora norte-americana Nina Simone. Projeto selecionado pelo Edital de Cultura Sesc RJ Pulsar e FOCA – Fomenta da SMC
.
Em cena, na Sala Multiuso do Sesc Copacabana, a partir do dia 14 de setembro, em temporada de quinta a domingoàs 19h, o espetáculo musicado NINAS com Cyda Moreno, Anna Paula Black, Fábio D’Lélis, Roberta Ribeiro, Tati Christine, Kathlen Lima (piano) e Regina Café (percussão). As atrizes dividem a experiência de viver no palco a pianista, cantora, compositora e arranjadora Eunice Kathleen Waymon, conhecida mundialmente como Nina Simone. Pesquisa e dramaturgia de Joaquim Vicente e direção artística de Édio Nunes. Direção musical de Wladimir Pinheiro.
.
Pela primeira vez no Brasil um texto teatral conta a trajetória da ativista pelos direitos civis dos negros nos Estados Unidos, nascida em 1933 na cidade de Tryon, na Carolina do Norte. Uma cantora de grande referência do jazz e soul, passando pelo blues, folk, gospel, R&B e pop. A artista genial de voz rouca, timbre único e aveludado das grandes estrelas negras internacionais que fizeram história na música, morava no sul da França onde morreu em 2003 aos 70 anos de idade, após lutar por muitos anos contra o câncer de mama.

As cenas revelam as várias fases da vida de Nina Simone. Segundo Cyda, a peça ressalta a importância da cantora como representatividade e ativismo de mulher negra e artista, para o fortalecimento da identidade negra.
.
_ Nossa proposta se diferencia por contar quem foi Nina através de suas letras de músicas. Levaremos para o palco uma mulher multifacetada em sua essência, onde suas memórias enquanto menina e mulher negra, se misturam às complexidades evidenciadas pelo racismo das mulheres negras do Brasil, de ontem e de hoje. NINAS são muitas: a ativista, a pianista, a cantora, a compositora, a mulher revolucionária e à frente do seu tempo – explica.
.
O espetáculo cantado ao vivo apresenta um repertório que inclui composições autorais e muitos hits das paradas de sucesso. Ela é dona de clássicos como Feeling Good, I Put a Spell on You, Don’t Let Me Misunderstood, Aint Got No – I Got Life, I Wish I Knew How It Would Feel To Be Free, Here Comes The Sun, My Baby Just Cares For Me, To Be Young e Gifted and Black.

Nina Simone criou partituras onde exprimiu toda a sua força transgressora. “Queremos recontar fatos marcantes de sua personalidade, revirar e narrar suas letras expressando toda a sua dramaticidade e inquietações”. A dramaturgia segue destacando o movimento negro do Harlem, o jazz, o soul, a fama, o sucesso, e o encontro de Nina com Malcom X, Martin Luther King, James Baldwin, Lorraine Hansberry, Langston Hughes, Stokely Carmichael entre outros nomes importantes que a influenciaram em seu ativismo negro.
.
_ Vivemos num tempo onde a mulher continua sendo subjugada, assassinada e violentada, numa sociedade onde o racismo estrutural continua massacrando mulheres, vítimas do ódio e da barbárie machista e da supremacia branca. Então, como artistas, utilizaremos nosso ofício para falarmos deste óbvio. Mas também vivemos num tempo onde os negros estão se fortalecendo através do não silenciamento, rompendo paradigmas pelo ativismo, e das variadas ações de aquilombamentos. Temos sido os protagonistas de nossas histórias, trazendo à tona os nossos heróis ancestrais e o legado de cultura, arte, resistência e sabedoria que nos foi deixado – ressalta.

Atriz no palco e produtora nos bastidores do Teatro Negro
Atuando entre o teatro e a televisão, a atriz Cyda Moreno desde 1983 já integrou importantes espetáculos teatrais como “A hora e vez de Augusto Matraga”. A também diretora teatral e professora é Mestre em Ensino de Artes Cênicas e Doutoranda em Teatro Negro. Escreveu e dirigiu o espetáculo “FESTA” no Young Vic Theatre, em Londres, com 100 participantes da Comunidade Britânica.
.
É uma das fundadoras da Cia. Black & Preto Produções Artísticas, formada exclusivamente por atores negros em 1993, no Rio de Janeiro. Trabalhou com renomados diretores teatrais, entre eles estão Antunes Filho, Isaac Bernart, Ulysses Cruz, Iléa Ferraz, Renato Borghi, André Paes Leme, Yara de Novaes, Antônio Pedro e Édio Nunes. Com esse último da lista ela retoma parceria no seu novo projeto teatral.
.
Após produzir e protagonizar com sucesso os espetáculos “Eu Amarelo – Carolina de Jesus” (2018/2023) e “Luiza Mahin… Eu ainda continuo aqui” (2021/2023), o trabalho da atriz mineira radicada no Rio de Janeiro pode ser visto também em “Amor Perfeito” (TV Globo) na pela da professora “Dona Celeste”. Assim que acabar as gravações da novela das seis, Cyda volta aos palcos com NINAS e uma ficha técnica que assegura qualidade e competência.
.
_ Todos abraçaram o projeto percebendo em Nina Simone um arsenal de possibilidades para a realização de uma obra artística. Édio Nunes e Wladimir Pinheiro, na direção artística e musical, Jorge Maya na preparação vocal e na confecção dos figurinos, Wanderley Gomes, vencedor de dois prêmios no Shell de Teatro, por exemplo – comenta.

Sobre Nina Simone
(Tryon, 21 de fevereiro de 1933 — Carry-le-Rouet, 21 de abril de 2003)
Sua obra permanece como símbolo de resistência para as novas gerações. De origem humilde, seu pai era marceneiro e sua mãe era empregada doméstica e ministra metodista. Nina acompanhava sua mãe na igreja e foi lá que ela teve seu primeiro contato com o piano, quando tinha mais ou menos quatro anos de idade. Desde então, passou a tocar na igreja metodista acompanhando o coral e, aos sete anos, participou de seu primeiro recital. A apresentação foi um divisor de águas na vida da artista, pois foi assistida pela professora de piano Muriel Mazzanovich — figura fundamental no aprendizado de Nina, responsável por sua iniciação na música clássica e pela criação do Fundo Eunice Waymon, criado para que ela pudesse dar continuidade aos estudos de piano clássico. Mais informações: clique aqui.

revistaprosaversoearte.com - Espetáculo teatral 'Ninas' estreia no Sesc Copacabana, peça inspirada na história da cantora norte-americana Nina Simone
Espetáculo ‘Ninas’, estreia no Sesc Copacabana, inspirado na história da cantora norte-americana Nina Simone – foto © Claudia Ribeiro, exceto Nina

FICHA TÉCNICA
Idealização e coordenação e produção: Cyda Moreno | Pesquisa e dramaturgia: Joaquim Vicente | Diretor artístico: Édio Nunes | ELENCO: Cyda Moreno, Anna Paula Black, Fábio D’Lélis, Roberta Ribeiro, Tati Christine, Kathlen Lima (piano) e Regina Café (percussão) | Diretora de produção: Cyda Moreno | Produção executiva e assistente de direção: Pedro Barroso | Direção musical: Wladimir Pinheiro | Figurinista: Wanderley Gomes | Visagismo: Rodrigo Fuentes | Cenografia e adereços: Doris Rollemberg | Design de luz: Fernanda Mantovani | Preparação vocal: Jorge Maya | Vocal coach: Mônica Karl | Preparação corporal: Cátia Cabral | Músico percussionista: Regina Café | Músico pianista: Kathleen Lima | Videomaker: Madara Luiza | Designer gráfica: Maria Júlia Ferreira. Fotografia: Cláudia Ribeiro | Assessoria de língua inglesa: Miguel Arcanjo Moreira e Arthur Freitas | Assessoria de Imprensa: Clóvis Corrêa / CICLO Comunicação | Realização: Quintal das artes, cultura & entretenimento.

SERVIÇO
Peça: NINAS
Espetáculo teatral musicado inspirado na vida e obra da pianista, cantora, compositora e arranjadora norte-americana Nina Simone.
Temporada: 14/9 a 8/10. De quinta a domingo, às 19h.
Pesquisa e dramaturgia: Joaquim Vicente
Direção: Édio Nunes
Direção musical: Wladimir Pinheiro
Elenco: Cyda Moreno, Anna Paula Black, Fábio D’Lélis, Roberta Ribeiro, Tati Christine, Kathlen Lima (piano) e Regina Café (percussão)
Local: Sesc Copacabana / Sala Multiuso
Endereço: Rua Domingos Ferreira, 160 – Copacabana, Rio de Janeiro – RJ
Telefone: (21) 4020-2101
Ingressos: R$30,00 (inteira), R$15,00 (meia-entrada para casos previstos por Lei, estendida a professores e classe artística mediante apresentação de registro profissional), R$7,50 (credencial plena Sesc), gratuito (público cadastrado no PCG).
Duração: 90 minutos
Capacidade: 70 pessoas
Faixa etária: 14 anos.
** Instagram: @espetaculoninas
.
>> Imagem capa da matéria (montagem): Espetáculo ‘Ninas’ / elenco – Cyda Moreno, Anna Paula Black, Fábio D’Lélis, Roberta Ribeiro, Tati Christine, Kathlen Lima e Regina Café – foto © Claudia Ribeiro, exceto Nina Simone.


ACOMPANHE NOSSAS REDES

DESTAQUES

 

ARTIGOS RECENTES