segunda-feira, julho 22, 2024

‘Cirandá’ primeiro álbum da pianista e compositora Anette Camargo

A cantora, pianista, compositora e arranjadora Anette Camargo acaba de lançar nas plataformas digitais, Cirandá, álbum de estreia em que assina as oito composições, arranjos e direção musical que integram essa obra. A inspiração para o álbum vem da riqueza da música brasileira, seus ritmos, melodias e harmonias que levam à uma viagem rumo ao imprevisível mundo da criação e da improvisação.

As letras homenageiam grandes mestres da música como Gilberto Gil e Tom Jobim, também falam da simplicidade do brasileiro e também suas mazelas, sem deixar de lado a exaltação da Natureza e a religiosidade. Formam esse repertório Cirandá, Pra Lá de Bagdá, Natural, Feijoada da Lurdinha, Surgil Miltons, Do Que Eu Sei de Tom, De Onde Se Avista o Mar e Lá no Picco.
.
Vencedora do Prêmio Profissionais da Música em 2021 e 2023 na categoria “Jazz Singer”, a cantora e pianista Anette Camargo possui formação erudita e popular. Atuou como cantora, pianista, arranjadora e compositora do Projeto Tânia Maria, idealizado pelo baterista Lael Medina, que lançou em 2021 o álbum “Parabéns Tânia”, que tem como foco o resgate da obra da grande mestra da música brasileira Tânia Maria. Esse projeto se apresentou em importantes festivais como o Sesc jazz, Santos Jazz Festival, Lençóis Jazz Amazonas Green Jazz Festival, entre outros.
.
Em 2022 participou pelo segundo ano consecutivo do festival Sesc Jazz, desta vez em um projeto em homenagem ao percussionista brasileiro Airto Moreira. Com seu projeto Anette Camargo Trio, já se apresentou em importantes palcos como o Instrumental Sesc Brasil, Casa Museu Ema Klabin, Auditório Cláudio Santoro, Rede Sesc São Paulo, Blue Note Sp, Festival de Inverno de Paranapiacaba, entre outros.

revistaprosaversoearte.com - 'Cirandá' primeiro álbum da pianista e compositora Anette Camargo
Capa do álbum ‘Cirandá’ • Anette Camargo • Selo Independente / Distribuição Tratore • 2023

DISCO ‘CIRANDÁ’ • Anette Camargo • Selo Independente / Distribuição Tratore • 2023
Músicas / compositora
1. Cirandá (Anette Camargo)
2. Pra lá de Bagdá (Anette Camargo)
3. Natural (Anette Camargo)
4. Feijoada da Lurdinha (Anette Camargo)
5. Surgil Miltons (Anette Camargo)
6. Do que eu sei de Tom (Anette Camargo)
7. De onde se avista o mar (Anette Camargo)
8. Lá no picco (Anette Camargo)
– ficha técnica –
Anette Camargo (voz e piano) | Libero Dietrich (baixo) | Rodrigo Digão Braz (bateria) | Danilo Moura (percussão) | Direção musical e arranjos: Anette Camargo | Produção executiva: Libero Dietrich | Gravação, mixagem e masterização: Adonias Souza Jr., no Estúdio Arsis em São Paulo/SP, entre Maio e Junho de 2023 | Filmagem e edição: Edu Martins | Ensaio fotográfico: Edu Martins e Laura Cozta Feliciano | Assessoria de imprensa: Débora Venturini | Selo: Independente | Distribuição: Tratore | Formato: CD / digital | Ano: 2023 | Lançamento: 6 de outubro | #* Ouça o álbum: clique aqui

revistaprosaversoearte.com - 'Cirandá' primeiro álbum da pianista e compositora Anette Camargo
Anette Camargo – ensaio fotográfico © Edu Martins e Laura Cozta Feliciano

REPERTÓRIO – faixa a faixa
1 – Cirandá: Essa canção conta a história da personagem Cirandá, que vive numa vila de pescadores. A letra faz um jogo de palavras com a dança ciranda e a peneira de mesmo nome. Ao mesmo tempo que retrata um pouco da cultura e da vida simples de quem ali vive, a música exalta a alegria e otimismo que não deixa de existir no rosto dessas pessoas.
.
2 – Pra Lá de Bagdá: Uma música densa que trata de um assunto delicado: a dura realidade de quem vive nas comunidades de nosso país, onde a ausência do Estado gera um mundo com suas próprias leis. Porém, a letra também retrata muitas vezes a maneira bem humorada que essas pessoas enfrentam em seu cotidiano.
.
3 – Natural: A canção é uma celebração à Natureza como obra da Criação Divina. É um retrato da religiosidade e da alegria pela contemplação da Natureza.
.
4 – Feijoada da Lurdinha: Música instrumental que homenageia a festa que acontecia anos atrás em São Bernardo do Campo, uma reunião de músicos e uma feijoada feita pela Dona Lurdinha, mãe do baterista Rodrigo Digão Braz.

5 – Surgil Miltons: Essa canção homenageia dois grandes mestres da nossa música, Gilberto Gil e Milton Nascimento. A inspiração para a música veio do álbum Gil e Milton, lançado no ano 2000.
.
6 – Do Que Eu Sei de Tom: Uma bossa nova que utiliza o nome de várias canções imortais do mestre Tom Jobim para contar uma história de amor.
.
7 – De Onde Se Avista o Mar: Canção que homenageia a famosa Vila de Paranapiacaba, que fica em Santo André – SP, A letra exalta as belezas naturais do lugar, além da riqueza cultural e artística que ocorre por lá.
.
8 – Lá no Picco: Música instrumental que foi composta enquanto Anette se apresentava na pizzaria “O Picco” em São Paulo. Faz parte de uma coletânea chamada “Existimos vol. 1” lançada recentemente pelo Selo Vitrine.

revistaprosaversoearte.com - 'Cirandá' primeiro álbum da pianista e compositora Anette Camargo
Anette Camargo – ensaio fotográfico © Edu Martins e Laura Cozta Feliciano.

>> Anette Camargo na rede: Instagram | Facebook | Youtube | Linktree.
.
.
Série: Discografia da Música Brasileira / MPB / Jazz / Canção / Álbum.
Publicado por ©Elfi Kürten Fenske

 

.


ACOMPANHE NOSSAS REDES

DESTAQUES

 

ARTIGOS RECENTES