'Menina Bonita do Laço de Fita', animação

“Era uma menina linda. A pele era escura e lustrosa, que nem pelo da pantera quando pula na chuva. Do lado da casa dela morava um coelho que achava a menina a pessoa mais linda que ele já vira na vida. Queria ter uma filha linda e pretinha como ela.”
– Ana Maria Machado, trecho do livro “Menina Bonita do Laço de Fita”

A “Menina Bonita do Laço de Fita” é um curta-metragem de animação, com direção de Diego Lopes e Claudio Bitencourt e produção da Oger Sepol Produções. A animação é uma adaptação da obra homônima de Ana Maria Machado que instiga uma convivência harmoniosa entre todos e superação de preconceitos raciais ainda existentes na nossa sociedade. Na história, o coelho branco deseja ser negro, tentando de diversas formas alcançá-lo. Ao fracassar em seu intento, casa-se com uma coelha pretinha, pretinha e tem vários filhotinhos negros, brancos e malhados.

“É importante considerar a diversidade cultural interna à nossa sociedade; isso é de fato essencial para compreendermos melhor o país em que vivemos. Mesmo porque essa diversidade não é só feita de idéias; ela está também relacionada com as maneiras de atuar na vida social, é um elemento que faz parte das relações sociais no país. A diversidade também se constitui de maneiras diferentes de viver, cujas razões podem ser estudadas, contribuindo dessa forma para eliminar preconceitos e perseguições de que são vítimas grupos e categorias de pessoas.”
– José Luiz dos Santos, em “O que é cultura?”. Coleção primeiros passos, 110. São Paulo: Brasiliense, 2006.

Assista aqui o curta-animação!

FICHA TÉCNICA
Animação: Menina bonita do laço de fita
Sinopse: O filme aborda o aspecto racial e o não-preconceito, através da convivência harmoniosa de indivíduos de raças e cores diferentes. Para isso, conta a história de um coelho que, apaixonado pela cor negra de sua vizinha, faz tudo para ficar igual ela. Depois de várias tentativas frustradas, acaba encontrando a felicidade ao se casar com uma coelha preta e ao ter filhos brancos, pretos e malhados.
Direção: Diego Lopes e Claudio Bitencourt
Categoria: animação
Estado: Paraná
Formato: full HD
Ano: 2014
Duração: 7’20’’

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Revista Prosa Verso e Arte
Literatura - Artes e fotografia - Educação - Cultura e sociedade - Saúde e bem-estar

COMENTÁRIOS