©Sebastião Salgado - Êxodos

“É uma história perturbadora, pois poucas pessoas abandonam a terra natal por vontade própria”
– Sebastião Salgado (Êxodos)

Sebastião é um grande artista porque conseguiu retratar momentos difíceis em diversas partes do planeta mostrando como é difícil a sobrevivência, como os conflitos étnicos mudam a geografia e a história de um povo. Olhando suas fotos se consegue entender o peso que essas pessoas sentiram para sobreviver a tanto martírio e desesperança.

Premiado internacionalmente e considerado um dos maiores talentos da fotografia mundial pelo teor social de seu trabalho, Sebastião Salgado viajou durante seis anos, por 40 países, para mostrar a humanidade em trânsito, provocando uma reflexão sobre as questões políticas, sociais e econômicas de pessoas que foram obrigadas a deixar a sua terra natal. A mostra traz o resultado desta pesquisa, retratando pessoas que abandonam a terra natal contra a própria vontade, tornando-se migrantes, refugiadas ou exiladas, fugindo da pobreza, repressão ou guerras.

Desde 1993, Salgado vem documentando o movimento migratório das populações de todo o mundo. A cada ano, entre 40 e 50 milhões de pessoas dirigem-se às regiões urbanas de diversos países e somente na década de 1990, há menos de dez anos, a maioria da população brasileira pôde ser flagrada habitando as cidades, trocando o campo por conglomerados urbanos cada vez mais inchados e caóticos. Os princípios resultantes dessas análises despertaram Salgado para algumas dezenas de reportagens, realizadas durante sete anos em 45 países. Uma pequena amostra do universo de milhares de imagens conservadas pelo fotógrafo pode ser observada na exposição Êxodos.

A coleção com 60 imagens que compõem essa exposição foi doada por Lélia Wanick e Sebastião Salgado ao Instituto Terra, ONG ambiental que o casal fundou em 1998, em Aimorés (MG).

Algumas fotos da exposição:

©Sebastião Salgado – Êxodos
©Sebastião Salgado – Êxodos
©Sebastião Salgado – Êxodos
©Sebastião Salgado – Êxodos

SERVIÇO
Exposição: ‘Sebastião Salgado: Êxodos’
Local: Caixa Cultural Curitiba
Endereço: Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Centro – Curitiba
Temporada: até 12 de fevereiro de 2017.
Horário de visitação: terça a sábado das 10h às 20h e domingo das 10h às 19h
Ingressos: entrada gratuita
Outras informações: Caixa Cultural Curitiba

Saiba mais sobre Sebastião Salgado:
Sebastião Salgado – o olhar sensível

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Revista Prosa Verso e Arte

Literatura – Artes e fotografia – Educação – Cultura e sociedade – Saúde e bem-estar


COMENTÁRIOS