Cora Coralina - foto: Acervo Museu Casa de Cora Coralina

Aprende…
Tu encontrarás sempre no teu caminho
alguém para a lição de que precisas.
Aprende, mesmo que não queiras.

A boa lição… Alguém sempre a precisar.
Feliz é o que aprende.
Errar é humano, diz a sabedoria popular.
Insistir no erro é obstinação.
Pecado contra o Espírito Santo.
Aquele que reconhece seu erro,
está no caminho da perfeição.
Aquele que confessa e se arrepende,
caminha para a salvação.

Reconhece teu erro.
Mesmo que custe muito,
ao teu orgulho e vaidade.

Jamais justifique o errado.
“Fulano foi o culpado,”
Arrepender e reparar
é o caminho certo
da Paz espiritual.

Um dia, um salteador,
condenado ao suplício,
reconheceu seus erros,
e justificou o inocente.
E o que foi que aconteceu com ele?
– Cora Coralina, do “Nos reinos de Goiás e outros”, no livro “Vintém de cobre: meias confissões de Aninha”. 6ª ed., São Paulo: Global Editora, 1997, p. 197.

Saiba mais sobre Cora Coralina:
Cora Coralina – venho do século passado e trago comigo todas as idades
Cora Coralina (outros poemas)

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Revista Prosa Verso e Arte

Literatura – Artes e fotografia – Educação – Cultura e sociedade – Saúde e bem-estar


COMENTÁRIOS