[capa]"A menina e o pássaro encantado", de Rubem Alves. ilustrações Bruna Pellegrina. Editora Adonis, 2017.

A obra “A Menina e o pássaro encantado”, de Rubem Alves, completa 33 anos, ganha reedição da Editora Adonis, com novas ilustrações de Bruna Pellegrina, neta do autor.  A obra escrita em 1984 é dedicada à Raquel Alves, sua filha. “A menina e o pássaro encantado” marca o início de uma série 20 títulos infantis de Rubem Alves que a Editora Adonis reeditará em 2017. O escritor é também homenageado pela editora em seu projeto de visitação, o “Como nasce um livro?”. Durante a visita de escolas às dependências do seu parque editorial e gráfico, alunos conhecem a vida e a obra “A menina e o pássaro encantado”, a medida que descobrem como um livro nasce.

O livro conta a história de uma menina que tinha como seu melhor amigo um pássaro, que era livre, e justamente por ser livre ela não sabia quando ele voltaria novamente. A menina sentia muita falta do pássaro e à medida que sua saudade aumentava ele ficava encantado. A cada retorno do pássaro ele trazia uma porção de histórias.

Raquel Alves no lançamento “A menina e o pássaro encantado”, de Rubem Alves. (Editora Adonis, 2017)

“A história do livro A menina e o pássaro encantado surgiu quando eu ainda era uma criança, tinha cerca de 6 anos. O meu pai viajava muito e eu sentia muita falta dele. Para me consolar ele nos transformou em personagens. Essa foi a forma que ele encontrou para me ensinar a lidar com a saudade. Com A menina e o pássaro encantado eu aprendi que quando a gente sente saudade de uma pessoa ela fica encantada em nosso coração”, explica Raquel Alves, filha do escritor.

A menina e o pássaro encantado foi a primeira história infantil escrita por Rubem Alves. Hoje é a mais difundida obra infantil do autor.

“— Eu também terei saudades — dizia o pássaro. — Eu também vou chorar. Mas vou contar-te um segredo: as plantas precisam da água, nós precisamos do ar, os peixes precisam dos rios… E o meu encanto precisa da saudade. É aquela tristeza, na espera do regresso, que faz com que as minhas penas fiquem bonitas. Se eu não for, não haverá saudade. Eu deixarei de ser um pássaro encantado. E tu deixarás de me amar.” – Rubem Alves, em “A menina e o pássaro encantado”. 

SERVIÇO
Livro: “A menina e o pássaro encantado”, de Rubem Alves. [ilustrações Bruna Pellegrina]. Editora Adonis, 2017.
Informações: Acesse AQUI!

Saiba mais sobre Rubem Alves – (Instituto):
Instituto Rubem Alves

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS




Revista Prosa Verso e Arte
Literatura - Artes e fotografia - Educação - Cultura e sociedade - Saúde e bem-estar

COMENTÁRIOS